4

Na palestra "Quem Protesta no Cone Sul? Pluralização dos Atores do Protesto e Desafios à Democracia", a Profª Draª Luciana Tatagiba, examina a diversidade e como a expansão dos atores sociais influencia a dinâmica dos protestos e os desafios que essa pluralidade apresenta para as democracias na região.

🗓️23 de maio de 2024, às 17h
Local: Sala de Seminários - Instituto de Ciência Política da Universidade de Brasília.

2

A obra aborda como as mulheres desempenham diversos papéis e exercem grande influência nos movimentos populares contra a erosão democrática em todo o mundo, do Brasil à Hungria e à Índia.
O lançamento aconteceu em Bruxelas com a participação de uma de nossas coordenadoras, Marisa von Bülow que é autora de um dos capítulos da publicação.

1

Tem livro novo no ar - A Disputa pela Democracia no Brasil

O Resocie lança “A Disputa pela Democracia no Brasil: ativismos em contextos turbulentos”. O livro, resultado de pesquisa financiada pela FAP-DF, propõe o conceito de “contextos turbulentos” para entender o período em que ativistas atuam no Brasil contemporâneo. A obra reúne estudos de caso que contribuem para a compreensão das complexas interações entre a sociedade e o Estado em um cenário instável e incerto como o do Brasil dos últimos anos.
Você pode adquirir a obra em pré-venda no site da Editora Zouk ou no lançamento presencial no 47º Encontro Anual da ANPOCS, na Universidade Estadual de Campinas.

3

Esta Cartilha sobre candidaturas e mandatos coletivos no Brasil é uma publicação voltada para cidadãos, ativistas, movimentos sociais, acadêmicos, servidores da justiça eleitoral e atores governamentais interessados nesse novo fenômeno eleitoral. A Cartilha apresenta dados descritivos das candidaturas coletivas apresentadas nas eleições municipais de 2020, e nas eleições estadual e federal de 2022.

Capa do livro Participação e Ativismos
previous arrow
next arrow

Somos um grupo de pesquisa estudando as relações entre Sociedade e Estado

Nossa proposta é analisar as interações entre Estado e sociedade na construção de instituições, no desenho e implementação de políticas públicas e na reivindicação de demandas políticas.

Quem faz nossas pesquisas

2022

Feminisms in Latin America: Pro-choice Nested Networks in Mexico and Brazil

Autoria: Debora Rezende de Almeida e Gisela Zaremberg

2022

Participação e ativismos: entre retrocessos e resistências

Organização: Debora Rezende de Almeida, Luciana Tatagiba, Adrian Gurza Lavalle e Marcelo Kunrath Silva

2022

Movimentos sociais, partidos políticos e partidos movimentos: Análise de interações a partir da formação da rede sustentabilidade

Marília Silva de Oliveira

2021

“Solidarity during the pandemic in Brazil: creative recombinations in social movement frames and repertoires”

Capítulo de Marisa von Bülow e Rebecca Abers

2021

Ativismo Institucional: criatividade e luta na burocracia brasileira​

Rebecca Abers (org.) e capítulos de diversos autores do Resocie

Para saber mais do Resocie

Calendário de Eventos e Reuniões do Resocie
Resocie nas Redes
Siga-nos no Twitter